*REDE SUCESSOS* PORQUE MARCAMOS A DIFERENÇA?JUNTA-TE A NÓS!

COOLTURA

Venda Directa é…


 

Venda Directa é…

Uma forma legal de comercializar bens e serviços sem intermediários, não havendo gastos com publicidade ou aumentos de preço apenas pela passagem das mercadorias de mão em mão.

Os valores que normalmente ficariam nestes intermediários, são disponibilizados aos representantes da empresa produtora, sob a forma de margens de lucro e bónuss
.

A Venda Directa traduz-se na comercialização de produtos e serviços a consumidores através do método pessoa-a-pessoa, geralmente nas suas casas, ou nas casas de outras pessoas ou ainda noutros locais que não sejam estabelecimentos comerciais. A Venda Directa ocorre normalmente através de uma explanação ou demonstração por vendedores, denominados por Vendedores Directos.

(Fonte: Federação Europeia de Associações de Venda Directa)

 

Vantagens da Venda Directa

A Venda Directa oferece aos clientes a possibilidade de ver, experimentar e avaliar um produto, nas suas casas e/ou entre amigos. A Venda Directa tornou-se cada vez mais popular entre os consumidores, à medida que foram verificando o grau de conveniência e a atenção personalizada que oferecia, o que é extremamente raro hoje em dia. Também atende a necessidade de conveniência de pessoas e famílias com vidas muito preenchidas.  

Utiliza um sistema de compensação de Venda Directa conhecido por Marketing Multinível. Como em todas as formas de Venda Directa, os Empresários  promovem a venda dos produtos directamente aos consumidores.

O sistema de Venda Directa  oferece a oportunidade a cada pessoa de estabelecer o seu próprio negócio a baixos custos e com baixos riscos. São independentes e como tal podem gerir a sua actividade como Empresários de uma forma extremamente fléxivel, indo ao encontro das imposições dos seus estilos de vida.

 

A DSA, a FEDSA e a WFDSA

A indústria de Venda Directa é representada por associações de comércio organizadas em muitos países. As Associações de Venda Directa (DSA's), existem na maioria dos países do mundo. Um membro activo nas DSA, tanto na Europa Ocidental, como Oriental e é um líder na sua indústria.

A Federação Europeia das Associações de Venda Directa (FEDSA) representa a indústria da Venda Directa em toda a Europa. Criada em 1968, representa 25 Associações Nacionais e as suas empresas membros. A FEDSA representa os interesses das Associações de Venda Directa nacionais a nível Europeu e perante as Instituições da União Europeia. Promove também o conhecimento da actividade de venda directa através de programas académicos, iniciativas especiais e actividades de relações públicas em geral. A Federação Mundial das Associações de Venda Directa (WFDSA) tem as mesmas funções a nível mundial, compreendendo 50 associações membros, incluíndo a FEDSA.

Tanto a WFDSA como a FEDSA promovem os mais altos padrões éticos nas actividades da Venda Directa, através da adopção dos Códigos de Conduta Mundial e Europeu para a Venda Directa. Estes códigos são adoptados por todas as DSA e as empresas são obrigadas a cumpri-los como condição para serem membros.

www.fedsa.be

www.seldia.eu

www.wfdsa.org 

www.ipvd.pt

A Venda Directa Legítima vs Esquemas Piramidais Ilegais

Os esquemas de pirâmide são fraudulentes e perigosas armadilhas para os consumidores. Infelizmente, a sua existência pode prejudicar a reputação de empresas . Ao contrário da Venda Directa, os Esquemas de Pirâmide ilegais impelem as pessoas a investir em esquemas aparentemente lucrativos com a promessa de ganharem dinheiro fácil, mas geralmente, não cumprem essa promessa e, em última análise, despojam os seus participantes dos seus rendimentos e investimentos.

 

O que são os esquemas de pirâmide?

Tipicamente, as pirâmides baseiam-se no princípio de que as pessoas que se encontram na base da pirâmide contribuem para o lucro dos que se encontram no topo, sendo obrigadas a pagar uma certa quantia para se integrarem na pirâmide.

Em resumo, para uma pessoa recuperar o investimento inicial considerável e ter lucro é preciso um número considerável de participantes, que por sua vez também fazem um investimento inicial.

Para entrar num esquema deste tipo, as pessoas são obrigadas a comprar uma determina quantia em produtos, que geralmente, não podem ser devolvidos. Quem promove um Sistema de Pirâmide ilegal procura dar-lhe uma aparência de Venda Directa legítima. Para compreender a diferença, veja a explicação seguinte:

Venda Directa

Esquema de Pirâmide

Oferecem produtos vendáveis.

Não oferecem produtos comercialmente viáveis para venda.

Os lucros são obtidos da venda de produtos.

Os lucros são calculados pelo número de novos participantes, independentemente se vendem produtos ou não.

Baixo investimento inicial.

Frequentemente, requer um grande investimento inicial e obriga os participantes a ter um grande stock de produtos.

Oportunidade de negócio a longo prazo.

Frequentemente, desaparecem após alguns meses.

Protecção dos direitos dos consumidores, tal como o direito ao cancelamento do contrato ou de uma encomenda.

Nenhuma satisfação de garantia ou direito de cancelamento de contrato.

O Esquema de Pirâmide é ilegal em muitos países da União Europeia. Defende, a nível europeu, os direitos dos consumidores contra Esquemas de Pirâmides ilegais.